Fotógrafa clica raposa de estimação em floresta na Polônia

A fotógrafa Iza Łysoń adora cães e é fanática por neurociência. De segunda à sexta-feira, ela estuda Neurobiologia na Universidade de Jagiellonian, na Cracóvia. Os finais de semana, ela aproveita para descansar em um pequeno vilarejo ao sul da Polônia.

Após ter um de seus trabalhos publicados pela National Geographic, Iza recebeu um telefonema para um trabalho diferente; fotografar uma raposa.

Com muita paciência, Roxanne, a dona de Freya, uma raposa nascida em abril de 2015, conseguiu domesticar o animal selvagem, e as duas se tornaram grandes amigas.

Para a fotógrafa, o maior desafio foi esperar o momento certo para fazer as fotos, que Freya não atende comandos:

“Eu adorei fotografar Freya, mas foi bastante desafiador. Eu lembrava a cada momento que ela é um animal selvagem, e não atenderia os meus comandos para cada pose. Então, eu tive que ter muita paciência e aceitar o fato de que uma raposa sabe qual o melhor momento para saltar, se espreguiçar e sentar”, disse.

Para ver mais do trabalho de Iza Łysoń, visite suas páginas no Facebook e 500px.

Iza Łysoń fotografou Freya, a raposa de Roxanne, em uma floresta na Polônia – Foto: Iza Łysoń

Iza Łysoń fotografou Freya, a raposa de Roxanne, em uma floresta na Polônia – Foto: Iza Łysoń

Iza Łysoń fotografou Freya, a raposa de Roxanne, em uma floresta na Polônia – Foto: Iza Łysoń

Tags